Tocantins, 27 de outubro de 2020 - Mira Jornal - 00:00

Policia

Em Conceição do Tocantins, Polícias Civil e Militar prendem suspeito por roubo e um casal por receptação, tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo --

10/10/2020 12h01

Crédito: Divulgação Polícia Civil Produtos oriundos de roubo e tráfico de drogas apreendidos durante as prisões efetuadas em Conceição do Tocantins
Investigação do roubo de um celular resultou na prisão de três pessoas na região sudeste do Tocantins.

Numa rápida ação das Polícias Civil e Militar, em Conceição do Tocantins, região sudeste do Estado, um homem foi preso pela suspeita do crime de roubo de um celular subtraído de um adolescente na noite da última quinta-feira, 8. O homem, já conhecido das forças de segurança local, foi preso no final da madrugada e início da manhã desta sexta-feira, 9, em sua residência.

Além dele, a Polícia prendeu um suposto casal de traficantes pelo crime de receptação do aparelho celular roubado pelo primeiro homem e ainda pelos crimes de tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo. A mulher, inclusive, é reincidente no crime de tráfico de drogas.

Segundo delegada-chefe da 104ª Delegacia de Polícia de Conceição do Tocantins, Melícia Resende Rocha Ganzaroli de Ávila, tão logo chegou a notícia do roubo e com informações das características físicas e o nome do suposto autor, policiais militares e civis iniciaram as diligências.

Conforme a delegada Melícia, no momento da prisão os policiais indagaram o suspeito pelo aparelho celular subtraído do adolescente, tendo ele confessado o furto e informado que acabara de vender o aparelho para um casal de supostos traficantes naquela cidade. Em seguimento à ação, as equipes de policiais foram em busca do aparelho no endereço informado pelo suspeito preso. No local indicado, o suposto casal ainda tentou negar estar em posse do aparelho de celular, mas também confessou que o bem estava escondido em cima de uma caixa de descarga no banheiro, momento em que o casal autorizou a entrada dos policiais na residência.

Na residência do suposto casal de traficantes, os policiais encontraram o celular furtado do adolescente, mais três outros celulares de origem duvidosa, uma arma de fogo tipo espingarda, dois cigarros de maconha, cerca de R$ 550 em espécie (trocado em várias notas e moedas, bem típico da comercialização de drogas. Na casa, não havia qualquer tipo de móvel, apenas um colchão e duas malas de roupa, o que, na avaliação das equipes policiais, reforça ainda mais a tese de que o local em questão funcionava como um ponto de vendas de drogas.

O resultado dessa ação foi a prisão do primeiro suspeito pelo crime de roubo e do suposto casal de traficantes pelos crimes de receptação, tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo. Os três foram conduzidos à Central de Flagrantes de Arraias para procedimentos de praxe. Lá, foi ratificada a voz de prisão a voz de prisão dos suspeitos presos pela pratica dos crimes tipificados no Art. 157 do Código Penal (ao suspeito do roubo) e Art. 180 do Código Penal e Art. 33 da Lei 11.343/06 Art. 12 da Lei 10826/03 (ao casal). Após a lavratura do Auto de Prisão em Flagrante (APF), os supostos autores foram encaminhados à Cadeia Pública de Arraias, onde irão permanecer à disposição da justiça.

Denúncias

A delegada Melícia considerou a ação positiva. Ressaltou o trabalho da Polícia Civil na Regional de Dianópolis, afirmando que as forças de segurança local trabalham para preservar a ordem pública e que “não daremos quarentena para criminosos”. A Delegada também informou que denúncias, sugestões e informações sobre crimes em geral podem ser repassadas pela população por meio do telefone 63 3381-1396. “Tudo no mais absoluto sigilo”, assegurou a delegada Melícia.
(Da Dicom SSP TO/Shirley Cruz)


   

Comentários (0)

  • Nenhum comentário publicado. Clique aqui para comentar.

Mais vídeosVideo Mira

Ambição, traição, mortes e mistérios envolvendo prefeitos e vices, no Tocantins.

Ambição, traição, mortes e mistérios envolvendo prefeitos e vices. No Tocantins, em menos de um ano, um  prefeito morto e dois baleados. O que está acontecendo por trás desses crimes? 
Geronimo Cardoso

Comente

  • Fidel Costa
    23/10/20 09h53
    ALÔ MIRACEMA!!! É com muito fé e entusiasmo que convidamos a população de Miracema para a maior caminhada da...
  • Jose Professor
    23/10/20 09h45
    Tem razão Ailton F Araújo. Todavia, como eu já disse: O povo será o responsável pela "peneira" que vai...
  • Jose Professor
    22/10/20 16h17
    Na enquete votei no combate a corrupção por ser a mesma o "câncer" que corroí as entranhas do erário...
VER TODOS OS COMENTÁRIOS

Jornal Impresso

Em Breve
2010 c Mira Jornal. Todos os direitos reservados.