Tocantins, 25 de novembro de 2020 - Mira Jornal - 00:00

Política

Comitiva de Camila Fernandes visita Comando Geral da PM em Palmas e Parlamentares apoiadores sua gestão

18/11/2020 17h12

Fotos; Rede Social No gabinete do deputado Nilton Franco, principal apoiador, desde a gestão Moisés Costa
Conforme informações nas redes sociais, a prefeita eleita de Miracema do Tocantins, Camila Fernandes/MDB, juntamente com o vice-prefeito eleito, Aprijo Ribeiro/SD, acompanhados pelo coordenador geral da campanha, advogado Flavio Suarte, e os assessores Coronel Márcio Bandeira e Selma Tavares, entre outros, estiveram em Palmas nesta terça-feira, 18), quando realizaram visita de cortesia ao comandante geral da Policia Militar do Tocantins (PM TO), Coronel Jaizon Veras Barbosa.

Rede Social


Camila, Aprijo e comitiva recebidos no Comando Geral da PM

Camila Fernandes é subtenente da PM ainda agregada, mas que deverá integrar a reserva militar a partir de sua diplomação como prefeita municipal eleita dia 15 último.

Conforme apurou o MIRA, antes de exercer o sufrágio do voto, a ainda suboficial militar, enquanto aguardava o senador e correligionário Eduardo Gomes, na manhã de domingo (15), por direito e costume tradicional entre candidatos eletivos, percorreu algumas escolas onde tinham instaladas seções eleitorais, para cumprimentar cidadãos e acompanhar o processo eletivo.

Num desses locais, policiais militares da 6ª CIPM (Companhia Independente da PM em Miracema), a teria abordado, acusando-a de descumprimento de regras eleitorais, conduzindo-a até a Delegacia de Policia, onde foi lavrado B.O. (Boletim de Ocorrência).

B.O.
Conforme informação do delegado titular da Delegacia de Policia Civil da cidade, Clecyws Castro, que cumpria plantão no domingo dia 15, no município de Dois irmãos, o delegado plantonista daquele dia em Miracema do Tocantins foi o colega Vinícius Mendes de Oliveira, que relatou a única ocorrência durante as eleições no município, o B.O. que discorre sobre suposta ‘boca de urna’ da candidata a prefeita.

Camila Fernandes foi abordada pela PM e conduzida a DPC onde foi ouvida e liberada em seguida.
Segundo TRE (Tribunal Regional Eleitoral) do Tocantins, o caso está sendo apurado pela Polícia Civil para análise do MPE (Ministério Público Estadual), mas não foi lavrado flagrante e a candidata não foi presa.

Uma fonte na Secretaria de Segurança do Tocantins afirmou ao MIRA que cumprimentar eleitores nas sessões eleitorais não constitui crime eleitoral. “Não configura propaganda ‘boca-de-urna’ o candidato que simplesmente cumprimenta eleitores, não restando comprovado que aliciou, coagiu ou se manifestou no sentido de angariar votos, não incorre na propaganda denominada boca-de-urna".

Conforme publicado nas redes sociais, “o coordenador da campanha de Camila, Flavio Suarte, informou que, antes de registrar seu voto, (Camila Fernandes) passou em uma escola da cidade, e que quando saía do local, ela e sua equipe foram abordados pela PM, que informou que a Corporação havia recebido uma denúncia de boca de urna. Ela foi conduzida ao Cartório Eleitoral e, posteriormente, à delegacia para prestar esclarecimentos, sendo liberada posteriormente”.

PRELIMINARES
Camila ainda esteve com sua comitiva no gabinete do deputado estadual Nilton Franco/MDB e no escritório de representação do senador Eduardo Gomes/MDB, para audiências preliminares em busca de recursos parlamentares para sua gestão a partir de 1º de janeiro do próximo ano. Esteve também no gabinete do deputado estadual Vilmar (do Detran) de Oliveira/SD, que não estava presente. Ainda na segunda-feira (16), em sua residência, Camila Fernandes recebeu a visita do deputado estadual Valdemar Júnior/MDB.

Num encontro casual, conforme relata Flavio Suarte, a deputada Luana Ribeiro abraçou Camila Fernandes, cumprimentando-a pela contundente vitória, colocando-se a disposição para ajudá-la na gestão municipal.

No escritório do Senador, Camila e sua comitiva conversaram com André Gomes/ Avante, eleito vice-prefeito de Palmas. O irmão do senador Eduardo Gomes foi vereador em Miracema do Tocantins, goza de prestígio na cidade e deverá intermediar parcerias e acordos entre a Capital e a primeira capital do Estado.

TRANSIÇÃO
Na Capital, a prefeita teve ainda reunião com o jurídico da campanha, advogado Leandro Manzano, tratando de assuntos técnicos da campanha e da prestação de contas.

Segundo Suarte, já foi encaminhada ao atual prefeito municipal a notificação sobre instalação de uma Comissão de Transição, responsável para fazer levantamentos necessários da administração municipal, com objetivo de planejar as ações da nova gestão.

PM’s ELEITOS
Segundo fontes do MIRA, os Policiais Militares eleitos nas eleições deste ano, realizaram visitas ao Comando Geral da Polícia Militar, nestas terça-feira e quarta-feira, (17) e (18).

A subtenente Camila Fernandes de Araújo, o sargento Junior Brasão e o tenente Carlos Luiz Lemos dos Reis estiveram reunidos com os oficiais, Coronel Antônio Márcio Barbosa de Mendonça, chefe do Estado Maior, e o Coronel Jaizon Veras Barbosa, Comandante Geral da PM.

Dez policiais militares foram eleitos para mandatos 2021/2024 em diversos municípios tocantinenses, sendo quatro eleitos prefeitos: Miracema do Tocantins (Subtenente Camila Fernandes de Araújo); Tupiratins (Coronel Janilson Veras); Axixá (Aury-Wulange Ribeiro Jorge); e Bom Jesus (Policial Militar Paulo Hernandes Moura Lima). Ainda foram eleitos seis vereadores policiais militares.
 (Da Redação/MIRA)

   

Comentários (0)

  • Nenhum comentário publicado. Clique aqui para comentar.

Mais vídeosVideo Mira

Rio Tocantins - Miracema do Tocantins / Brasil

Comente

  • Elcio
    24/11/20 12h10
    É isso Márcia, ela sabe quem é quem. E ela sabe que tem um vice
  • marcia moreira
    22/11/20 13h11
    tem gente falando q camila vai ser comandada por assessore e baba ovos e acho que naum ela e mulher preparada e...
  • AILTON FERREIRA ARAUJO
    17/11/20 13h58
    Tânia...melhor e Camila do que o Saulo,,,,pagar que conta so se o ex-prefeito deixar ai a Camila tem que pagar...
VER TODOS OS COMENTÁRIOS

Jornal Impresso

Em Breve
2010 c Mira Jornal. Todos os direitos reservados.